Região Norte tem três novos bens culturais reconhecidos pelo Iphan

0
203

Os registros são do Marabaixo, no Amapá; do Complexo Cultural Boi Bumbá do Médio Amazonas e Parintins, no Amazonas; e de um geoglifo, no estado do Acre

O diretor do Departamento de Patrimônio Imaterial do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), Hermano Queiro, informou sobre os três bens da região Norte que foram reconhecidos pelo Iphan como Patrimônios Culturais Brasileiros.

Os três novos registros foram concedidos ao Marabaixo, no Amapá; ao Complexo Cultural Boi Bumbá do Médio Amazonas e Parintins, no Amazonas; e a um geoglifo, no estado do Acre.

marabaixo é uma manifestação folclórica amazônica, que inclui ritmo musical e também uma dança de roda de origem africana, típica da região norte, no estado do Amapá, no Brasil. O nome também se aplica ao tambor utilizado nesse estilo musical, chamado de “caixa de marabaixo”

Atualmente esta manifestação folclórica é a maior tradição cultural da região, realizada durante os festejos em louvor aos santos padroeiros das comunidades afro-descendentes do Amapá, sendo um dos símbolos da cultura amapaense. Na região metropolitana de Macapá ocorre anualmente a festa religiosa denominada de “ciclo do marabaixo” ou a “festa do ciclo”, composto por missas, novenas, procissões, bailes populares, dança e rituais do marabaixo durante aproximadamente sessenta dias”.

Imagem relacionadaO Complexo Cultural do Boi Bumbá do Médio Amazonas e Parintins é uma manifestação cultural de caráter festivo, que tem a figura do Boi como seu elemento principal e envolve uma série de danças, músicas, drama e enredo.

Imagem relacionada

Novas Descobertas no Acre de geoglifos, que são desenhos geométricos de grandes proporções localizadas no solo e que configuram vestígios arqueológicos, confirmam cada vez mais que existiu uma população milenar na Amazônia de cerca de 2.500 anos atrás, antes da chegada dos europeus na região.

Resultado de imagem para hieróglifos acre

 

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here