Fáceis de plantar em casa: conheça os microverdes

0
212

Uma nova tendência na horticultura são os microverdes, vegetais ultra jovens, super atrativos e coloridos, ricas em sabor e nutrientes,que estão em evidência na gastronomia, nas feiras e mercados no Brasil e no mundo.

Além desses benefícios, os microgreens, como também são conhecidos, vêm se destacando por serem fáceis de se plantar em casa, pois demandam pouco espaço, podendo ser cultivados em apartamentos sem dificuldades.

Eles apresentam vantagens por terem um ciclo de cultivo muito rápido. Como são plantas no primeiro estágio de crescimento, concentram grandes quantidades de bioativos como oxidantes, vitaminas e minerais. Exemplos, já identificados em estudos científicos, mostraram diferenças em relação às plantas adultas de até 40 vezes a concentração de alguns nutrientes.

A Isla Sementes disponibiliza sementes de microverdes de beterraba, coentro, couve, manjericão, mostarda, rabanete, repolho roxo, rúcula e salsa e apresenta um passo a passo de como produzi-los em casa. Confira!

1 – Separe os materiais necessários

Para a produção dessas cultivares em casa, é necessário ter um recipiente com furos (pode ser um vaso, jardineira ou mesmo bandejas plásticas para pães e bolos, e neste caso basta fazer furinhos para que a água das regas possa escorrer), borrifador de água e substrato (húmus, fibra de coco ou outro que seja acostumado usar, pode ser encontrado em lojas de cultivo de plantas).

2 – Escolha suas sementes

Enquanto no cultivo normal são utilizadas poucas sementes, na produção de microverdes é necessário utilizá-las com mais densidade, pois cada pequena plantinha é uma semente que germinou e começou a se desenvolver. Para definir a quantidade de sementes ideal para você, leve em conta o tamanho do recipiente que está sendo utilizado e confirma as informações de cada variedade no verso da embalagem.

3- Prepare o recipiente

Caso esteja utilizando uma bandeja, coloque cerca de 1 dedo de substrato à sua escolha. É necessário que a semente receba luz e não fique obscurecida pelas bordas dos vasos, jardineiras ou qualquer outro recipiente.

4- Hora de semear

Em seguida, espalhe uniformemente as sementes por toda a superfície do vaso, cuidando para que uma não fique em cima da outra. Você pode distribuí-las como se estivesse salpicando as sementes pelo substrato, não sendo necessário cobri-las. Em seguida, borrife água cuidadosamente até umedecer bem toda a área.

5- Cuidando do seu alimento

Com a ajuda do borrifador, regue diariamente a sua produção, especialmente nos primeiros dias. Lembre-se: você quer manter o substrato sempre úmido, nunca encharcado. Deixe o recipiente em um local bem iluminado. A germinação pode acontecer entre 3 e 10 dias, dependendo da espécie. Fique atento às indicações no verso do envelope da semente adquirida.

6- Vamos colher

Quando as suas plantinhas atingirem entre de 6 e 10 cm (também varia com a espécie), é hora de fazer a colheita. Você pode segurá-las delicadamente pelas folhas e cortá-las com a ajuda de uma tesoura, bem próximo do substrato para melhor aproveitamento. É importante lembrar que os microverdes não irão nascer novamente: você precisará realizar um novo semeio para obter uma nova produção.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here