Porto Velho entre as dez cidades no ranking das emissões de gás carbônico

0
195

O município de Porto Velho (no estado de Rondônia, na Amazônia brasileira) está entre as dez cidades no ranking das emissões de gás carbônico, segundo levantamento inédito realizado em nível municipal pelo Observatório do Clima. O trabalho traz um mapa detalhado das emissões de gás carbônico dentro do Brasil. O resultado da lista dos maiores emissores torna óbvio o peso do desmatamento nessa equação. Sete dos dez municípios responsáveis pelas maiores fatias de gases de efeito estufa estão localizados dentro da Amazônia.

A liderança é de São Félix de Xingu, no Pará, onde somente a destruição da floresta respondeu por 25,44 milhões de toneladas brutas de gás carbônico equivalente em 2018, cerca de 85% do total emitido pelo município. Porto Velho está na terceira posição.

Juntos, os dez municípios que lideram o ranking das emissões respondem por 172 milhões de toneladas brutas de gás carbônico equivalente (CO2e). Esse valor é maior do que a emissão de países inteiros, como o Peru ou a Bélgica. Os dados são do Sistema de Estimativas de Emissões de Gases de Efeito Estufa – o SEEG – que gera estimativas anuais das emissões brasileiras desde 2012 e que pela primeira vez foi realizado em nível municipal. Atualmente, o Brasil é o 5º maior emissor de gases de efeito estufa do mundo.

Fonte: Valor e Mercado RO com informações de Oeco.org.br