Papa nomeia superintendente de ONG como membro da Pontifícia Academia das Ciências Sociais

0
71

A Fundação Amazônia Sustentável (FAS) deu mais um passo importante para conscientização sobre a importância de manter a floresta em pé. O superintendente geral da FAS, Dr. Virgilio Viana foi nomeado pelo Papa Francisco como membro da Pontifícia Academia das Ciências Sociais. O órgão do Vaticano tem como objetivo promover o estudo e o progresso das ciências sociais, principalmente economia, sociologia, direito e ciências políticas.

“É com muita honra e um senso de responsabilidade ampliada que recebi esta semana a nomeação como membro da Pontifícia Academia das Ciências Sociais pelo Papa Francisco. Recebo esse convite com a humildade de quem sabe que o desafio pela frente é muito maior do que o que já pude fazer até agora”, declara Viana.

Em 2016, o Dr. Viana já havia convidado pessoalmente o Papa Francisco para visitar a Amazônia durante o 3º Simpósio da Juventude do Vaticano, realizado pela Pontifícia Academia de Ciências do Vaticano e a Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável (SDSN), órgão vinculado à ONU. Na ocasião, foi entregue uma carta assinada em conjunto com o então Arcebispo de Manaus, Dom Sérgio Castriani, que demonstrava a satisfação da Arquidiocese e da cidade de Manaus em receber o papa em solo amazonense.

Declaração conjunta sobre a mudança climática

Em uma iniciativa inédita, o Papa Francisco, o Patriarca Ecumênico Bartolomeu e o Arcebispo de Cantuária Justin Welby se uniram para alertar sobre a urgência da sustentabilidade ambiental, o impacto sobre a pobreza e a importância da cooperação global. No documento pediram às pessoas que orem, nesta época cristã da Criação, pelos líderes mundiais antes da COP 26, que acontece em novembro.

“Creio que o Papa Francisco, ao fazer essa nomeação, teve em mente o caráter simbólico de nomear um cientista da Amazônia para posição tão relevante. Todos sabemos da elevada prioridade dada pelo pontífice à região, inspirado especialmente pelo Cardeal D. Claudio Hummes, que liderou o Sínodo da Amazônia e que agora atua como presidente da Conferência Eclesial da Amazônia (CEAMA). Ao assumir esse novo desafio e mantendo minhas funções na Fundação Amazônia Sustentável, recebo esse chamamento como uma oportunidade de renovar e ampliar meu engajamento com a missão de perpetuar a Amazônia viva, com todos e para todos. Essa é uma porta de entrada para colocarmos a Amazônia no centro de discussões da Academia”, completa Viana.

Sobre Virgilio Viana

Superintendente Geral da FAS, Virgilio Viana é engenheiro florestal, PhD em Biologia pela Universidade de Harvard e Pós-Doutorado em Desenvolvimento Sustentável pela Universidade da Flórida. É Livre Docente em Ciências Florestais pela Universidade Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ/USP).

Entre 2003 e 2008 ele foi o primeiro secretário de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas. Neste período, o desmatamento no estado caiu em 70%, e as áreas de Unidades de Conservação cresceram em 135%. Para chegar a esses índices, Virgilio atuou nas criações do primeiro Programa de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas, do Programa Bolsa Floresta e da primeira Lei de Mudanças Climáticas do Brasil.

Atualmente, além de superintendente geral da FAS, Virgilio é coordenador de uma iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU), a Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (SDSN).